Postagens

Mostrando postagens de Fevereiro, 2016

Corpo d'água

Imagem
Elaeu acordou com areia nos olhos
ventarolou em águas profundas
salgadas, úmidas

diante de suas garoas, Elaeu faz tempestade
nesse corpo d'água que é o navegar
Elaeu espasma em suspiros

Corpo d'água gira com redemoinho
Elaeu silencia
Nesse horizonte maresia
Elaeu deixa brotar o a-mar diante dos olhos

Arvôo'ser

espero-te em expirações
expiro-me
expresso
ventanias redomoinham-se no tempo

esperar-te é como plantar-me:
os pés criam raizes
sinto brotar
pensamentos que como galhos
florescem os frutos desejos

ao cair em mim...
paichão...
acolhidos nesse corpo-terra:
ba'lança-se
nesse ar voo de ser

Imagem
quando fui atravessada guardei as ondas
dei-te contas
trouxe os seus ventos
canto-te diante dos teus ensinos
OdoYá!