Postagens

Mostrando postagens de Março, 2011

ave-re

Imagem
primeiro em pé
depois sentada
sem que percebesse está no chão
os braços abraçam as pernas e escondem sua cabeça
pede para que dali em diante caia terra
a terra cai
ela espera se tornar árvore

arcanjo

Imagem
barco rumo ao horizonte sem que eu abra os braços ele se aconchega deitado entre as montanhas, eu observo quem és? silêncio... observo aquela semente-gente o levo para o mar corpos banhados, cantos encantados acalanto aquele pequeno ser sem ainda ser terra, ainda semente, eu o aguardo zelando pelo caminho, peço licença laroyê, aos protetores que os caminhos se abram pra sua chegada